Dia de Halloween - 31 de outubro


“Hallowenn “ – o que significa?

“Halloween” esta palavra da língua inglesa significa vigília de todos os santos (“All Hallow’s Eve”) e, de facto, é comemorada no dia anterior ao Dia de Todos os Santos. E, no dia seguinte, é o Dia dos Finados (dos que já morreram).

“Halloween” é uma data comemorativa que tem a sua origem há mais de 2300 anos, com o povo Celta!
Este povo acreditava que, nesta data, por ser o último dia do verão, os espíritos dos mortos iam ter com os vivos. Um disparate!...

Como os celtas ficavam cheios de medo, queriam assustar os mortos e colocavam objetos, à frente das suas casas, que os pudessem assustar, para os mortos não entrarem. É o caso das abóboras que, recortadas e iluminadas, assustavam qualquer um.

Ora, nos dias de hoje já não se acredita em nada disto. Como é natural.
No entanto, os ingleses aproveitaram o dia para as crianças brincarem com tudo o que lhes provocasse medo, para não voltarem a ter mais medo. 

Por isso, se vestem de bruxas, fantasmas, esqueletos ou outras figuras assustadoras; fazem abóboras com desenhos que assustem; decoram os lugares com morcegos ou teias de aranha; e vão pelas portas dos vizinhos dizer “Doçura ou travessura!” que significa “Se não me dás doces, prego-te um susto!”.
Este dia é uma tradição inglesa que, no nosso país, não faz sentido nenhum. Pois nós nunca acreditámos no que o povo celta acreditava. Só que os comerciantes portugueses aperceberam-se que podiam vender objetos sobre este dia e, pouco a pouco, começa-se a comemorar este dia no nosso país.

Concluindo, o Halloween tem origem na morte e no que se acreditava sobre os mortos. Se pensarmos bem, não é uma ideia  muito agradável, pois não?

Comentários